Seguro para terceiros: informações, tipos de coberturas e valores

Você sabia que o seguro para terceiros é uma das principais opções de cobertura para automóveis, além de uma excelente alternativa a quem não pode arcar com os custos de um seguro completo? 

Contratando este formato de seguro, você estará protegido caso seja responsável por causar um acidente com outro veículo ou até mesmo com pedestres. 

Descubra outras informações importantes sobre esta modalidade de seguro e tudo o que você precisa saber para decidir pela contratação deste serviço. 

Proteja seus bens, não ande de carro sem um seguro! Preencha este formulário e solicite uma cotação de seguro auto ideal para você e seu bolso.

Seguro para terceiros: vale a pena contratar?

Responsabilidade Civil Facultativo de Veículos (RCF-V) é o nome oficial do que conhecemos como seguro para terceiros. Em um acidente, essa cobertura vai indenizar o segurado nos gastos com a outra parte envolvida, tanto materiais quanto médicas.

O RCF-V geralmente está contemplado no seguro compreensivo, modalidade que reúne vários tipos diferentes de proteção. 

Entretanto, sua importância é tão grande que muitas seguradoras passaram a oferecer o serviço à parte, principalmente pela possibilidade de adquiri-lo por um preço mais em conta.

Mas é realmente válida a contratação desta cobertura? A resposta é bem óbvia e simples: sim

Imagine que você se envolva em um sinistro com um carro de luxo, cujo valor de mercado é mais caro. Consequentemente, o reparo também será mais custoso, e se você não possuir este tipo de cobertura, terá que tirar o dinheiro do próprio bolso.

Por isso, caso ainda esteja em dúvida, leve este ponto em consideração. O custo-benefício, no resumo da ópera, pode se mostrar bem vantajoso para quem faz a contratação.

Veja com mais detalhes como funciona e o que não se enquadra neste tipo de cobertura. São informações importantes para te ajudar a decidir.

E lembre-se: caso opte pela contratação do seguro, o ideal é fazer uma boa pesquisa no mercado, cotar os valores com diferentes seguradoras e encontrar a opção que melhor vai atender a você e ao seu orçamento. 

Como funciona seguro para terceiros?

seguro para terceiros como funciona
Fonte: Pixabay

Se você ainda tem dúvidas sobre como funciona o seguro de carros para terceiros, fique tranquilo porque vamos explicar com mais detalhes.

A cobertura para terceiros vai indenizar as despesas com danos pessoais e materiais de outros envolvidos em um acidente com o segurado. Há ainda a possibilidade de cobrir eventuais reclamações judiciais dos valores pela outra parte.

Portanto, em um acidente provocado pelo segurado, as despesas médicas e as de reparo do outro veículo serão contempladas pelo seguro para terceiros.

Vale lembrar que as indenizações respeitam o limite dos valores contratados. Quando este valor for excedido, o segurado é responsável por arcar com o restante.   

Melhores preços de seguro para terceiros

Cada vez mais popular e procurada junto às seguradoras, a cobertura para terceiros pode ser contratada por valores bem acessíveis. 

Se contratar um seguro compreensivo está fora do orçamento no momento, esta modalidade pode ser muito importante e resguardar o segurado em caso de algum imprevisto no trânsito. 

Na Smove, você encontrará o plano feito para você, oferecido pelas melhores seguradoras do mercado. Faça um orçamento e encontre o melhor seguro para terceiros que se adeque às suas necessidades.

Quais são as coberturas de seguro para terceiros?

São dois os tipos de coberturas que costumam estar incluídas no seguro RCF-V: a cobertura por danos materiais, que dizem respeito ao bem da outra parte, e por danos corporais, que são as despesas médicas oriundas do acidente.

Além destas, outra cobertura contemplada e que costuma ser opcional é a por danos morais. Ela vai assegurar o pagamento de indenização em casos de reparos judiciais e extrajudiciais requeridos pela terceira parte.  

Danos Materiais

seguro para terceiros danos materiais
Fonte: Pixabay

A cobertura por danos materiais é a que garante o reparo do veículo ou outro bem da pessoa envolvida no acidente. 

Com esta modalidade, o segurado terá reembolsado os custos como conserto da funilaria, pintura, reparos mecânicos ou outros danos causados ao veículo de outros condutores. 

O ideal é fazer uma boa pesquisa antes de fechar o contrato e conferir com a seguradora quais destes itens constam na apólice do seguro.

Além dos veículos, a cobertura por danos materiais é extensiva aos imóveis. Caso o segurado se envolva em um acidente que danifique o muro de uma casa ou a vitrine de uma loja, por exemplo, o reparo destes itens também estará contemplado no seguro.  

Danos Corporais

Os valores relacionados aos danos físicos das outras pessoas envolvidas no acidente serão indenizados pela cobertura de danos corporais. 

Estão inclusas as despesas envolvidas com o socorro e despesas médico-hospitalares que forem necessárias na recuperação de terceiros. 

Caso os danos sejam mais graves, causando invalidez — parcial ou permanente — ou morte, a cobertura também pagará as indenizações. 

A cobertura por danos corporais prevê não só o pagamento de danos de outros motoristas e ocupantes de outro veículo, mas também de ciclistas e pedestres que possam se envolver no sinistro.

Danos Morais

seguro para terceiros danos morais
Fonte: Pxhere

Geralmente oferecida como modalidade adicional, a cobertura por danos morais ressarce os prejuízos provenientes de ações judiciais movidas por terceiros

Estão garantidos os pagamentos de indenizações em processos e acordos extrajudiciais que o segurado tenha que pagar por danos morais ou estéticos, causado aos outros envolvidos em função do acidente. Tudo, claro, dentro dos valores contratados.

Uma dica importante é que você leia atentamente as regras para esta proteção, pois elas podem variar de uma seguradora para a outra. 

Quando o seguro cobre terceiros?

Ao se envolver em um acidente de trânsito, você precisa saber em quais condições poderá usar e como acionar o seguro para terceiros e fazer uso dos benefícios.

É importante ressaltar que este serviço só será utilizado quando o segurado for o responsável pelo acidente e, dessa forma, tiver que arcar com as despesas envolvidas.

Via de regra, os procedimentos para receber a indenização serão parecidos nos casos em que o beneficiário faz uso do serviço, ou quando a pessoa é a vítima de um acidente. 

Saiba de qual maneira proceder para acionar a cobertura do seguro RCF-V. 

Caso você seja o causador do acidente

seguro para terceiros caso você seja o causador do acidente
Fonte: Pixabay

Você está dirigindo no trânsito e, por algum descuido, acabou provocando um acidente. Precavido, você conta com a cobertura para terceiros e não terá que arcar com todos os custos.

O que fazer para acionar o seguro que protege os outros condutores?

Depois de conferir se está tudo bem e prestar os primeiros socorros às outras partes, você deverá entrar em contato com a sua seguradora e informar sobre o sinistro.

Além de explicar sobre os procedimentos para a cobertura, a seguradora vai solicitar documentos que comprovem a responsabilidade do segurado. 

Por isso, nestes casos, é sempre importante fazer o registro do boletim de ocorrência junto à Polícia Militar quando houver um acidente. 

É comum que a seguradora também faça uma análise dos veículos antes de liberar o reembolso. 

A seguradora terá 30 dias para analisar o caso antes de fazer a compensação. É possível que novos documentos sejam requeridos, o que dará início a um novo prazo de 30 dias.

Caso a seguradora não comprove a responsabilidade pelo sinistro por parte do segurado, o pagamento da indenização poderá ser negado.

Costuma ser opcional a definição da oficina onde serão realizados os reparos. Algumas seguradoras determinam o local em que o serviço será realizado, enquanto outras adotam flexibilidade, deixando que as partes cheguem a um acordo. 

Caso você seja a vítima

Quando você é a vítima de um acidente, a primeira coisa a se fazer — claro, estando tudo bem com os envolvidos — é procurar saber se o motorista possui a cobertura para terceiros.

Em caso positivo, ele poderá acionar o seguro e cumprir com todos os procedimentos que a pessoa responsável pelo acidente deve ter. 

O problema é quando a outra parte não contar com a proteção para terceiros.

Nesta situação, a princípio, quem terá que arcar com as despesas médicas e de reparo do carro é você mesmo. Se você possuir um seguro auto, a dor de cabeça é menor.

Mas em casos em que a vítima também não possua o seguro, é comum que as partes tentem chegar a um acordo, até mesmo para evitar possíveis ações judiciais para divisão das despesas por conta do acidente.

O que não cobre o seguro para terceiros?

seguro para terceiros o que nao cobre
Fonte: Pexels

Tudo que estiver envolvido em um acidente terá a cobertura do seguro para terceiros? 

Esta pode ser uma dúvida comum antes de contratar o serviço, por isso é importante deixar bem claro o que será ressarcido ou não pela seguradora. 

É importante ressaltar que os gastos destas coberturas serão apenas com danos materiais e pessoais de terceiros. Portanto, as avarias no carro e qualquer gasto médico do segurado não serão contemplados por esta modalidade.

Além disso, as indenizações somente serão pagas caso fique constatada a responsabilidade do segurado no sinistro. 

Por isso, as seguradoras fazem uma análise baseada em documentos e até nos veículos para chegar à uma conclusão.

Outra situação que não fica por conta da seguradora são os gastos acima dos valores contratados na apólice.

O custo adicional será de responsabilidade do contratante, por isso a importância de escolher bem os valores do seguro. 

Qual a diferença entre o seguro para terceiros e o seguro APP?

É muito comum confundir a cobertura para terceiros com outra modalidade de seguro, o APP — seguro para acidentes pessoais de passageiros. 

Por isso, é importante esclarecer as diferenças entre eles para você não errar no momento de contratar a sua cobertura. 

Como explicamos, o seguro contra terceiros é uma proteção que vai indenizar o segurado com os gastos materiais, pessoais e até morais de outras pessoas envolvidas em um acidente. 

Já o seguro APP é uma cobertura designada a assistir os passageiros do veículo segurado, incluindo o motorista. 

O seguro APP oferece três tipos de coberturas: com despesas médico-hospitalares, ressarcindo estes gastos, além de indenizações por invalidez — seja ela permanente ou parcial — e também em caso de morte de algum passageiro. 

Qual o valor do seguro contra terceiros?

Seguro para terceiros qual o valor
Fonte: Pexels

O custo para contratar o seguro para terceiros pode ser bastante variável pois, assim como outras modalidades de seguros para automóveis, leva em consideração diferentes aspectos para o cálculo do prêmio.

Além de considerar questões como o modelo do carro e o perfil do segurado, a forma como o serviço é contratado também tem um peso.

Como nós explicamos, o seguro RCF-V costuma ser oferecido como um adicional ao seguro auto. Só que devido à sua importância, é cada vez mais comum vermos este serviço ser vendido de maneira isolada.

Outro item importante no cálculo do prêmio são os valores de cobertura previstos na apólice. Quanto mais caro ele for, maior será o custo da contratação.

A importância dos valores de indenização é grande e deve ser muito bem pensada ao contratar a cobertura para terceiros. Isto porque caso os gastos superem esse valor, o segurado fica responsável pelo pagamento da diferença.

Dessa forma, gastar um pouco mais por uma cobertura maior (de R$ 100 mil, por exemplo) pode ser mais vantajoso caso seja preciso fazer uso do seguro.

Como funciona franquia de seguro para terceiros?

Outra dúvida muito comum ao contratar esta cobertura é sobre como funciona a franquia do seguro contra terceiros. 

A boa notícia, neste caso, é que a franquia não é cobrada nesta modalidade de seguros. 

Ela é uma taxa que a seguradora cobra do seu beneficiado apenas em situações de reparos no próprio veículo segurado. 

Afinal, vale a pena contratar o seguro para terceiros?

seguro para terceiros vale a pena
Fonte: Pexels

Com todas estas informações referentes ao seguro para terceiros, fica muito mais fácil tomar uma decisão: afinal de contas, é válida a contratação desta modalidade de seguro?

A pensar no custo-benefício, esta cobertura pode representar uma grande economia em caso de algum imprevisto. 

Sabemos que o trânsito é imprevisível e as ruas estão cada vez mais cheias de veículos circulando. E no caso de uma infelicidade ao se envolver em um acidente com um carro de custo maior, pode ter certeza que os valores para o reparo também vão ser maiores.

Por isso, a cobertura contra terceiros pode ser um item de muito valor para quem dirige.

Além do mais, ficou muito mais fácil contar com o seguro contra terceiros. 

Muitas seguradoras oferecem, hoje, esta modalidade de maneira isolada. Contratá-la sem vínculos com outros serviços vai representar uma excelente economia para o seu bolso.

Agora que você sabe tudo sobre este tipo de seguro e como utilizá-lo, ficou mais fácil de decidir. 

Não deixe de fazer uma pesquisa apurada e realizar a cotação com diferentes seguradoras, para encontrar os melhores planos e preços. Garanta maior segurança para você caso os imprevistos entrem no seu caminho no trânsito. 

Cotação de seguro para terceiros

Agora que você sabe o que é seguro para terceiros e como ele poderá ser utilizado no dia a dia, chegou a hora de garantir uma cobertura especial para te dar mais tranquilidade no trânsito.

 Faça uma cotação na Smove e receba planos com as melhores seguradoras do mercado, elaborados por nosso time especializado.

Receba as melhores dicas de seguro auto diretamente no seu e-mail
Seu nome
Obrigado! Em breve você receberá as melhor dicas no seu e-mail.

Leia também:

Faça sua cotação agora e mantenha seu veículo protegido!
Insira seu nome e sobrenome
Insira um e-mail válido
Insira um telefone válido
Segue a gente instagram youtube facebook
Categorias